Caso queira fazer o download do regulamento, clique aqui.



V JOCOBRAS - 2016
JOGOS DOS CONTABILISTAS DO BRASIL
26 A 28 DE MAIO DE 2016
CAXIAS DO SUL/RS

REGULAMENTO GERAL



CAPTULO I
TITULO I
DAS DISPOSI합ES PRELIMINARES

Artigo 1 - Este regulamento o conjunto das disposi寤es que regem as competi寤es dos Jogos dos Contabilistas do BRASIL - JOCOBRAS.
Artigo 2 - Os Contabilistas que participarem dos Jogos dos Contabilistas do Brasil so por fora da lei vigente no Pas, considerados conhecedores da legisla豫o desportiva aplicvel e das disposi寤es contidas neste regulamento e igualmente, dos demais atos administrativos.
Artigo 3 - de competncia da Federa豫o dos Contabilistas do Estado do Rio Grande do Sul Federacon RS atravs de seu representante, e comisso do JOCOBRAS, mais trs representantes da Federa豫o presentes nos jogos, fazer cumprir este regulamento e resolver os casos omissos.

TITULO II
DOS OBJETIVOS

Artigo 4 - So objetivos do JOCOBRAS, decorrentes da poltica desportiva da Federacon RS:
I) Promover a integra豫o e o congraamento de Contabilistas atravs da participa豫o dos representados dos sindicatos, oferecendo as mesmas condi寤es de participa豫o a todas as Federa寤es do Brasil, independente de idade e sexo ou localiza豫o geogrfica.
II) Estimular a prtica de atividades esportivas entre os Contabilistas, objetivando a preserva豫o de sade e bem-estar.

TITULO III
DA ADMINISTRA플O E DA ORGANIZA플O DESPORTIVA

CAPITULO I
DA ADMINISTRA플O DESPORTIVA

Artigo 5 - O V JOCOBRAS ser realizado pela Federacon RS e coordenados pela Comisso de Esportes, com apoio de entidades da classe e profisso, Sindicatos de Contabilistas Filiados do Estado do RS, e iniciativa privada.
Pargrafo nico: Para os efeitos do disposto neste artigo, entende-se por realiza豫o a a豫o adotada, desenvolvida e executada que evidenciam o carter esportivo social e cultural do JOCOBRAS.

CAPITULO II
DA ORGANIZA플O DESPORTIVA

Artigo 6 - O JOCOBRAS administrado atravs das seguintes comisses e rgos, que so reconhecidos e aceitos pelos participantes:
I) COMISS홒 ORGANIZADORA LOCAL
II) ORG홒 JUDICANTE

SE플O I
DA COMISS홒 ORGANIZADORA LOCAL

Artigo 7 - A Comisso Organizadora Local ser formada por um coordenador local e por membros designados pela comisso do JOCOBRAS, competindo-lhes:
a) coordenar e supervisionar diretamente os trabalhos executados nos jogos;
b) decidir sobre questes prprias da administra豫o e organiza豫o do JOCOBRAS;
c) elaborar a programa豫o da competi豫o;
d) designar os locais da competi豫o de conformidade com a programa豫o elaborada:
e) fiscalizar e cumprir este regulamento da legisla豫o vigente e das regras oficiais desportivas em vigor, para cada modalidade;
f) providenciar rbitros e demais ofcios para as diversas modalidades;
g) providenciar junto secretaria dos jogos a programa豫o das partidas a realizar;
h) prestar esclarecimentos e tomar decises em assuntos referentes a questes tcnicas;
i) providenciar e verificar a qualidade dos materiais esportivos utilizados na competi豫o;
j) elaborar o relatrio tcnico detalhado para cada modalidade esportiva disputada;
k) homologar os resultados e a classifica豫o do JOCOBRAS e proclamar o campeo e o vice-campeo, 3 e 4 lugares de cada modalidade:
l) expedir atos administrativos, a fim de disciplinares questes pertinentes aos jogos;
m) decidir quanto consequncia tcnica das interrup寤es das partidas determinadas pelo rbitro;
n) proceder convoca豫o das diversas modalidades, estabelecendo as datas, horrios e locais;
o) prestar ao rgo Judicante as informa寤es de natureza tcnica quando solicitadas;
p) informar ao rgo Judicante imediatamente toda e qualquer irregularidade constatada durante a realiza豫o do evento;
q) proceder anlise e exame da documenta豫o apresentada pelas delega寤es participantes de acordo com as normas definidas neste regulamento e nos atos normativos subsequentes;
r) aferir e verificar adequadamente as inscri寤es de modo geral;
s) aprovar e divulgar os resultados das partidas oficiais;
t) conferir nominalmente a participa豫o das delega寤es, no cerimonial da abertura do JOCOBRAS.
u) providenciar todas as instala寤es esportivas para o desenvolvimento dos jogos e competi寤es:
v) Encaminhar as Federa寤es participantes, regulamentos, fichas de inscri豫o e demais materiais;
w) organizar o cerimonial de abertura e encerramento do evento;
x) exercer outras atribui寤es correlatas.

SE플O II
DO ORG홒 JUDICANTE

Artigo 8 - O rgo Judicante ser formado pelo Coordenador Geral dos Jogos e por mais 03 (trs) membros, sendo eleitos em Congresso Tcnico, devendo ser de diferentes Federa寤es participantes dos jogos, competindo-lhes:
a) julgar todos os atos de indisciplina praticados pelos participantes dos JOCOBRAS;
b) aplicar as penalidades com base nas normas definidas no CDIGO DE ORGANIZAAO DA JUSTIA e neste regulamento.
PAR핯RAFO PRIMEIRO: Alm de quatro coordenadores efetivos, o rgo Judicante contar com dois suplentes, para que nos casos em, que fazem parte do rgo Judicante, sejam substitudos, caso em que as Federa寤es que representem, estejam em julgamento.
Artigo 9 - Sero realizados Congressos Tcnicos do JOCOBRAS, a fim de deliberar acerto das questes definidas neste regulamento, antes da abertura oficial da competi豫o na sua fase inicial.
Pargrafo nico - Cada Federa豫o inscrita, dever obrigatoriamente representar-se por uma pessoa devidamente credenciada.

Artigo 10 - Os Congressos Tcnicos constaro de:
a) Parte Solene e tcnica, dirigida pelo Coordenador Geral, competindo-lhe:
b) Sorteio e composi豫o dos grupos e modalidades;
c) prestar esclarecimentos sobre questes relativas aos jogos.


CAPITULO III
DAS INSCRI합ES E CONDI합ES PARA PARTICIPAR

SE플O I
DAS INSCRI합ES

Artigo 11 - As inscri寤es obedecero aos seguintes critrios:
a) O responsvel pelos Estados far as inscri寤es on-line que sero recolhidas pela Comisso Organizadora, contendo:
FICHA DE INSCRI플O POR MODALIDADE que poder ser efetuada at a data estipulada pela organiza豫o de cada JOCOBRAS.
RELAAO DOS PARTICIPANTES contendo nome, nmero do CRC, para confec豫o de crachs, de acordo com a necessidade da organiza豫o local.
b) sero permitidas substitui寤es na rela豫o de atletas, at as 18h00m do dia da abertura dos jogos, sendo descartada a possibilidade de inscri寤es aps este prazo. As substitui寤es devero ser feitas na CCO;
c) ser cobrada taxa de inscri豫o por atleta participante, sendo o valor definido em congresso Tcnico, ficando estabelecido que 50 % (cinquenta por cento) do valor sero pagos no ltimo Congresso tcnico e o saldo no dia da abertura dos jogos.
d) para o almoo de encerramento a equipe participante dever manter no mnimo 50%(Cinquenta por cento) de seus atletas, cujo valor ser definido no congresso tcnico, ficandodefinido que 50% (cinquenta por cento) do valor ser pago no ato da inscri豫o dos atletas e 50% (cinqenta por cento) at o dia abertura dos jogos.

SE플O II
DAS CONDI합ES PARA PARTICIPAR

Artigo 12 - As condi寤es para participar obedecero s seguintes normas e critrios:
a) na equipe formada pela Federa豫o, todos os atletas devero estar devidamente habilitados no CRC at o dia do incio dos jogos, os suspensos, os Contabilistas com Registro Secundrio e os excludos, devero estar devidamente reabilitados ou inscritos no CRC at o dia 31 de dezembro do ano imediatamente anterior a realiza豫o dos jogos.
b) cada atleta poder inscrever-se livremente nas modalidades esportivas, sendo que lhe permitido substituir qualquer outro atleta inscrito antes do incio de cada rodada.
c) atletas Aposentados podero participar dos jogos desde que comprovem o exerccio da profisso na data de sua aposentadoria.
d) o contabilista poder participar nos jogos exclusivamente pela Federa豫o de seu Estado.
e) para poder participar do JOCOBRAS, o contabilista dever comprovar atravs de guia devidamente autenticada, o recolhimento da Contribui豫o Sindical do exerccio, junto ao Sindicato dos Contabilistas de sua base territorial.

CAPITULO IV
DAS MODALIDADES ESPORTIVAS

Artigo 13 - As modalidades esportivas que sero disputadas nos jogos e o nmero mximo de equipes e/ou atletas por modalidade so os seguintes:

MODALIDADES

Futebol Suio Snior 2 equipes por Federa豫o (Conforme Item 1, Letra A, do regulamento de Su暲o)
Futsal Fora Livre 2 equipes por Federa豫o
Bocha (livre) 2 equipes por Federa豫o
Bolo (livre) 2 equipes por Federa豫o (at 10 atletas por equipe)
Canastra 2 equipes por Federa豫o (sendo cada equipe composta por 3 duplas)
Voleibol Feminino de Quadra 2 equipes por Federa豫o (sendo cada equipe composta por 2 atletas profissionais de Contabilidade)
Vlei Praia Duplas Masculina 2 equipes por Federa豫o (sendo cada equipe composta por 2 atletas profissionais de Contabilidade)
Vlei Praia Duplas Feminina 2 equipes por Federa豫o (sendo cada equipe composta por 2 atletas profissionais de Contabilidade)
Tnis de Campo (Livre) 2 equipes por Federa豫o, no mximo 4 atletas

a) as modalidades consideradas livre no quadro acima podero participar atletas de sexo masculino e feminino;
b) No Futebol Su暲o snior somente podero participar atletas que tenham completado ou venham completar 35 (trinta e cinco) anos, no ano de realiza豫o dos jogos;
c) na modalidade Canastra, duas duplas da mesma equipe por Federa豫o devero ganhar para prosseguir na competi豫o, sendo que a equipe por Federa豫o que participar apenas com 2 (duas) duplas, estas obrigatoriamente devero ganhar os dois jogos, pois a terceira dupla da outra Federa豫o, j considerada ganhadora por no ter adversrio;
d) da modalidade de bocha, cada equipe ser representada por 08 atletas, que competiro em trios, dupla e simples.
e) para efeito de pontua豫o em todas as modalidades as equipes classificadas em at 6 (sexto lugar), recebero as seguintes pontua寤es:
1 lugar -10 pontos
2 lugar -06 pontos
3 lugar -04 pontos
4 lugar -03 pontos
5 lugar -02 pontos
6 lugar -01 ponto.
f) ser declarada Campe Geral do JOCOBRAS a Federa豫o que obtiver o maior nmero de pontos, finda a competi豫o.
g) se ao findar a competi豫o duas ou mais equipes estiverem empatadas na pontua豫o dos jogos, ser declarada melhor classificada aquela que obtiver o maior nmero de primeiros lugares se ainda persistir o empate, observar-se- os segundos lugares, terceiros e assim sucessivamente at que haja o melhor classificado.

CAPITULO V
DA ESTRUTURA TCNICA DAS DISPUTAS DOS JOGOS

Artigo 14 - O JOCOBRAS ser disputado de dois em dois anos. A escolha da cidade sede ser atravs de voto secreto, do representante de cada Federa豫o, caso haja inscri豫o de mais de uma Federa豫o.
a) os jogos no sero por eliminatrias simples, obedecendo as chaves por modalidade coletivas.
b) as modalidades tero suas regras definidas pelo regulamento oficial de cada Federa豫o.
c) nas modalidades de Futebol as chaves sero formadas por sorteio.

CAPITULO VI
DA FASE FINAL

Artigo 15 O Estado sede do JOCOBRAS dever disponibilizar listagem de hotis e alojamentos para acomoda豫o dos atletas, das Federa寤es participantes, para que estes tenham a facilidade na escolha.
Artigo 16 - Aos participantes do JOCOBRAS, busca-se propiciar o mnimo possvel de despesas com hospedagens, refei寤es e transportes.

CAPITULO VII
DA IDENTIFICA플O

Artigo 17 - Os dirigentes e tcnicos sero identificados da mesma forma adotada para os atletas. O cadastramento das pessoas de que trata o artigo 11 ser feito at o incio dos jogos em sua fase inicial, e nenhum outro membro da delega豫o poder ser inscrito aps esta data.
Pargrafo nico - Somente ser permitida a participa豫o de atletas em qualquer partida, mediante a apresenta豫o do crach de identifica豫o, juntamente com a carteira de identidade de contabilista, original expedida pelo CRC, exceto os aposentados que devero comprovar que estavam inscritos no CRC, na poca de sua aposentadoria.

CAPITULO VIII
DO CERIMONIAL DE ABERTURA

Artigo 18 - O JOCOBRAS ser iniciado pela Sesso Solene de Abertura, do qual devero participar obrigatoriamente, todas as delega寤es devidamente uniformizadas, identificadas pelas Federa寤es.
Artigo 19 - O cerimonial de abertura constar de:
a) concentra豫o das delega寤es em local e horrio a serem designados pela Comisso Organizadora local;
b) desfile e entrada das delega寤es;
c) hasteamento da Bandeira Nacional, do Estado, da Cidade Sede, da Federacon RS e do V Jocobras, ao som do Hino Nacional;
d) entrada do fogo simblico e acendimento da Pira Olmpica;
e) declara豫o de abertura do JOCOBRAS pelo Presidente da Federa豫o de Contabilistas anfitri;
f) juramento do atleta: "Ns competidores / prometemos que no V Jogos Abertos dos Contabilistas do Brasil / Disputaremos de forma Leal / respeitando os regulamentos que o regem / participando com esprito de integra豫o e amizade / que marcam a histria dos jogos / Tudo para a glria do esporte e honra de nossas equipes / Assim juramos.
g) pronunciamento de autoridades;
h) confraterniza豫o e retirada das delega寤es;
i) encerramento;
j) haver uma pontua豫o para efeito de classifica豫o geral, quanto ao nmero de participantes no Desfile de Abertura e Encerramento, conforme segue:
Delega豫o que participar com:
Mais de 50% dos atletas inscritos - 05 pontos;
Menos de 50 % dos atletas inscritos - 02 pontos;
no desfilar - 00 ponto.

CAPITULO IX
DA PREMIA플O

Artigo 20 - A Federa豫o Sede ou Patrocinador oferecer trofu de posse transitria e definitiva aos campees, vice-campees e 3 lugares de cada modalidade.
Pargrafo nico - O Trofu da posse transitria ser dado Federa豫o que fizer o maior nmero de pontos no JOCOBRAS, ficando em definitivo aps sagrar-se campeo por 03 (trs) vezes consecutivas ou por 05 (cinco) vezes alternadas.
Artigo 21 - A Federa豫o Sede ou Patrocinador oferecer medalhas a todos os atletas e tcnicos classificados em primeiros, segundos e terceiros lugares em todas as modalidades esportivas (inclusive suplentes).
Artigo 22 - Sero premiados com medalhas os artilheiros, goleiros menos vazados, atleta mais velho e outros a critrio da Federa豫o Organizadora.
Artigo 23 - Ser premiada a delega豫o que tiver o maior nmero de atletas/dirigentes/tcnicos inscritos, com exce豫o da cidade sede.
Artigo 24 - Ser tambm premiada a Federa豫o mais disciplinada no geral.
Pargrafo nico - A premia豫o ser entregue no Almoo de encerramento do JOCOBRAS.

CAPITULO X
DAS DISPOSI합ES GERAIS E TRANSITRIAS

Artigo 25 - Caso as cores dos uniformes, de origem a confuses nas disputas de modalidades coletivas, um sorteio indicar qual das equipes dever mudar de uniforme.
Artigo 26 - Para fins disciplinares, na modalidade individual, cada atleta considerado distinto dos demais, e as irregularidades constatadas com um atleta, no prejudicaro os demais.
Artigo 27 - Somente sero realizados os jogos nas modalidades em que houver equipes competidoras.
Artigo 28 - A equipe ou atleta que no se apresentar para a disputa de uma partida, no local, dia e horrio determinado na programa豫o ou apresentar-se irregularmente, ou ainda sem condi寤es de atua豫o ser declarado perdedor por W x O.
Pargrafo nico: Se a Federa豫o se inscrever em alguma modalidade, e no comparecer com nmero mnimo de atletas para jogar, a Equipe no poder mais jogar naquela modalidade, eliminando todos os seus resultados na fase, alm de perder 05 (cinco) pontos na contagem geral.
Artigo 29 - Nenhum participante poder alegar desconhecimento de qualquer ato ou deciso relativa aos jogos.
Artigo 30 - A participa豫o dos Contabilistas nos jogos exclusiva. Portanto, no ser admitida, em hiptese alguma, a incluso em quaisquer condi寤es de pessoas que no se enquadram como tal.
Artigo 31 - S ser permitida na quadra de jogo (rea especifica da competi豫o) a presena do pessoal devidamente credenciado e que estejam participando na partida, de acordo com as regras das modalidades e/ou com autoriza豫o da Comisso Organizadora Local.
Artigo 32 - S ser permitida a propaganda de empresas patrocinadoras durante a realiza豫o dos JOCOBRAS.
Artigo 33 - Para as empresas patrocinadoras de cada Federa豫o de origem, permitido material de propaganda.
Artigo 34 - Este regulamento no poder ser modificado, em hiptese alguma, durante a realiza豫o de cada JOCOBRAS.
Artigo 35 - Para altera豫o do Regulamento Geral a partir de 2010, ser necessria apresenta豫o de sugesto proposta por uma Federa豫o, devidamente apoiado por mais de 50% (cinqenta por cento) das Federa寤es participantes. Em se tratando de mudanas nos Regulamentos das Modalidades a proposta dever ser encaminhada com apoio de mais de 50% (cinqenta por cento) dos Estados participantes da modalidade, no JOCOBRAS anterior.
Artigo 36 Os casos omissos do presente regulamento sero decididos pela COMISS홒 JUDICANTE.

Realiza豫o:
FEDERACON RS - Federa豫o dos Contadores e Tcnicos em Contabilidade do Rio Grande do Sul

M O D A L I D A D E S

MODALIDADE BOCHA

1) A competi豫o obedecer a Regra Mundial Ponto, Rafa e Tiro;
2) sero 6 equipes participantes;
3) os jogos sero realizados na modalidade Simples, Dupla e Trio;
4) permitido fazer uma substitui豫o na dupla e uma no trio, em cada jogo;
5 ) em hiptese alguma na substitui豫o ser utilizado um atleta que j jogou na simples, dupla ou trio, contra aquele Estado, que estiver jogando;
6) permitida a inscri豫o de 08 (oito) atletas;
7) os jogos sero realizados em at 15 pontos;
8) no haver intervalo para as refei寤es;
9) cada equipe ter direito ao passeio (aquecimento), no sistema vai e volta;
10) sero 2 chaves com 3 equipes cada;
11) A chave 1, jogar na Cancha 1;
12) A chave 2, jogar na Cancha 2;
13) os jogos da fase classificatria ocorrero na sexta-feira;
14) A fase final ocorrer no sbado, na sede do evento;
15) cada partida valer um ponto;
16) as equipes que se classificarem em 1o lugar nos seus grupos, faro a final;
17) as equipes que se classificarem em 2 lugar nos seus grupos, disputaro o 3 e 4 lugares;
18) A disputa pela 1a coloca豫o ser realizada na cancha 1 da Sede;
19) A disputa pela 3a coloca豫o ser realizada na cancha 2 da Sede, com a realiza豫o de um jogo, com o trio sele豫o;
20) em caso de empate na fase classificatria os critrios sero:
1o) Confronto direto;
Saldo de pontos entre as equipes envolvidas;
Saldo de pontos em toda competi豫o;
Sorteio;
21) haver premia豫o para os 3 (trs) primeiros colocados.

MODALIDADE BOL홒

O Campeonato de Bolo ser regido pelas regras oficiais da Confedera豫o Brasileira de Bolo, obedecendo as normas contidas neste regulamento.
1) DAS EQUIPES: Cada estado inscrever duas equipes com at 10 jogadores cada equipe, obrigatoriamente todos os atletas devero ser contadores ou tcnicos em contabilidade.
2) DAS BOLAS: Ser permitido o uso de bolas prprias com medidas mxima de 23 cm (vinte e trs centmetros) de dimetro e com peso mximo de 11 kg (onze quilogramas).
3) DAS PISTAS DE ROLAMENTO E DOS ARREMESSOS:
3.1) 6,50 metros para a rea de corrida e lanamento da bola.
3.2) 18.00 metros para a rea de rolamento da bola, medida esta que dever se contar do risco de limite de lanamento at o primeiro pino, ou seja, o pino nmero 1.
3.3) cada jogador ter direito a 20 (vinte) arremessos, sendo dez no caso de duas canchas, ou cinco no caso de quatro canchas. Porm se na primeira bola de cada pista, o jogador no derrubar os 9 (nove) pinos, esta bola no ser marcada e o jogador far 05 (cinco) arremessos seguintes a que tem direito, considerando-se aquela bola como bola de reconhecimento. Porm, se derrubar os nove pinos com a primeira bola, esta ser vlida e marcada na smula, fazendo ento os quatro arremessos seguintes a que tem direito naquela pista.
3.4) Os Arremessos devero ser obrigatoriamente com o assentamento da bola antes do risco indicador da zona mxima de lanamento. (A bola dever passear rolando sobre a linha mxima).
3.5) se a bola for lanada alm da linha de arremesso, o jogador ser advertido pela arbitragem e o ponto ser marcado em smula, e na reincidncia em qualquer pista naquela partida ser penalizado com zero ponto, tantas forem aquelas infra寤es.
4) DOS JOGOS:
4.1) Todo o jogo iniciado que por motivo de fora maior tiver a sua paralisa豫o, dever ser reiniciado do ponto que ocorreu a paralisa豫o, considerando-se as bolas j arremessadas e os pontos obtidos, bem como a manuten豫o dos mesmos atletas.
4.2) quando houver necessidade de utilizar mais de um local para a modalidade/sexo, haver um sorteio prvio para oficializar a programa豫o.
5) DA PONTUA플O:
5.1) A pontua豫o da equipe ser a contagem dos pontos dos 08 (oito) melhores jogadores classificados.
5.2) A equipe da federa豫o que no possuir 08 (oito) atletas contar a somatria de todos os seus atletas.
6) DO HORARIO DOS JOGOS:
6.1) A pista estar disponvel para as delega寤es das 08h00min s 20h00min horas do dia definido pela comisso organizadora da modalidade.
6.2) entretanto para garantir o direito de jogar, faz-se obrigatrio a presena dos atletas e das delega寤es at as 18h00min horas do mesmo dia da disputa no local dos jogos.
7) DO CONFROTO DAS EQUIPES:
7.1) se houver at 6 (seis) no mesmo encontro todas as equipes jogaram entre si, e as equipes que somarem o maior nmero de pontos sero classificadas para o 1, 2 e 3 lugar.
7.2) se tivermos um nmero de inscri豫o superior a 6 (seis) equipes, ser formada duas chaves classificando-se os dois melhores de cada chave e assim disputaro as semifinais e finais.
7.3) E caso de empate, tanto por equipe como individualmente, vencer quem tiver maior nmero de noves, persistindo o maior nmero de oitos e, assim regressivamente.

MODALIDADE CANASTRA

As equipes de canastra devero ser formadas por duplas. Sistema de Disputa ser definido a partir do momento da confirma豫o das duplas inscritas.
Regulamento:
1) Participantes:As equipes de canastra devero ser formadas por duplas, devendo todos serem contabilistas, com registro profissional e contribui豫o sindical quitada.
2) REGRAS DO JOGO:
2.1) Inicio: sero distribudas 13 (treze cartas, de uma a uma, para cada jogador, no contemplando morto.)
2.2) Contagem dos Pontos:
a) dos 3 (trs) aos 7 (sete) -05 pontos
b) dos 8 (oito) ao Rei -10 pontos
c) os 햟 -15 pontos
d) coringas -20 pontos
utiliza-se os 02 (dois) e os 04 (quatro) coringes.
2.3) trincas: s sero permitidas trincas de 햟, sendo estas sem coringa.
2.4) O Jogo:
a) Pontua豫o para abertura:
a.1) Abertura 45 (quarenta e cinco) pontos;
Primeira queimada sobe para 60 (sessenta) pontos;
Segunda queimada sobe para 75 (setenta e cinco) pontos;
a.2) 1.000 (mil) ou mais pontos, abertura com 75 (setenta e cinco pontos;
Primeira queimada sobe para 90 (noventa) pontos;
Segunda queimada sobe para 105 (cento e cinco) pontos;
a.3) caso haja queimada, a nova pontua豫o vale para a dupla;
a.4) para completar a pontua豫o necessria, no caso de levar o bolo (sobras da mesa), considera- se a ltima carta jogada.
b) para pegar o bolo (sobras na mesa), o jogador dever ter no mnimo 2 (duas) cartas na mo e estas devero formar trinca ou sequncia com a ltima carta jogada, ou a carta jogada dever ser colocada diretamente e, no caso de carta pr-colocada (retida na mo) dever se levar abrir jogo novo. O jogador que ficar com somente 1 (uma) carta na mo, no poder levar o bolo (sobras na mesa) mesmo que a ltima carta jogada seja colocada diretamente.
c) quando no houver op豫o para descarte, ou mesmo por motivo estratgico, poder ser jogado o coringa, que fecha a mesa para o prximo jogador, em qualquer situa豫o, mesmo que o coringa seja uma carta colocada, ou seja, entre no lugar dele mesmo, como 2 (dois).
3) Tipos de Canastra:
a) Natural ou Limpa: formada sem coringas, ou com o coringa 2 (dois) no lugar dele mesmo (como dois). Vale 200 (duzentos) pontos.
b) suja: formada com coringa de naipe diferente, ou do mesmo naipe quando no estiver no lugar dele. Valor 100 (cem) pontos.
c) Canastra de 햟 a 햟 (햟, 1, 2, 3, Q, K, 햟). Valor 500 (quinhentos) pontos.
d) W.O -Valor 2.000 (dois mil) pontos.
4) Batida: Para bater, a dupla dever ter no mnimo uma canastra fechada. Valor 100 (cem) pontos. As cartas no descartadas passaro para os adversrios.
5) Desempate: Caso haja empate no nmero de vitrias ao final de uma fase, sero utilizados os seguintes critrios para desempate:
5.1) Confronto direto;
5.2) Saldo de pontos (de todas as partidas);
5.3) Sorteio.
6) Proibi寤es:
6.1) no ser permitido o acesso ao recinto dos jogos, s pessoas que no participarem dos mesmos, incluindo-se os participantes dos jogos encerrados.
6.2) no ser permitido fumar durante a realiza豫o dos jogos, na mesa de jogos ou no recinto onde estiverem ocorrendo os mesmos.

MODALIDADE FUTEBOL SU膏O

1) cada equipe ser composta de 15 atletas, na composi豫o das equipes, fica estabelecido o seguinte: O Estado organizador do evento, em fun豫o do tamanho dos campos e dos costumes locais, quem ir estabelecer o nmero de atletas participantes, tendo como op豫o:
a) Goleiro, sete jogadores de linha e sete reservas;
b) Goleiro, seis jogadores de linha, e oito reservas.
2) para incio ou continua豫o de uma partida, a equipe dever ter no mnimo 5 atletas em campo. Se a equipe ficar com 4 atletas no decorrer do jogo, e estiver ganhando ou empatando, o placar ser revertido em 1x0 para o adversrio, se a mesma estiver perdendo, o placar permanece o mesmo.
3) O nmero de substitui寤es ilimitado, sendo que o jogador substitudo poder voltar quantas vezes achar necessrio, a troca de atletas ser feita sempre ao lado do mesrio rea tcnica.
4) qualquer atleta poder trocar de posi豫o com o goleiro, desde que o rbitro seja informado e autorize a troca sempre com a bola fora de jogo.
5) O atleta poder ser punido com:
Carto Amarelo -continua jogando a partida; porm, se na prxima levar outro carto amarelo, ficar fora da partida subseqente da sua equipe:
Carto Azul sai do jogo podendo ser substitudo, mas no poder jogar na partida subseqente da sua equipe.
Carto Vermelho sai do jogo, sem ser substitudo, ficando uma partida subseqente da sua equipe sem jogar.
6) O rbitro da partida considerado 밅orpo Neutro logo se a bola bater no mesmo, estando ele dentro do campo a partida ter sequncia normal como se nada tivesse ocorrido.
7) Critrios de desempate:
a) Confronto direto;
b) Saldo positivo de gols;
c) Nmero de gols marcados;
d) Nmero de gols sofridos;
e) Equipe melhor disciplinada em nmero de cartes;
f) Sorteio;
8) Critrio de Avalia豫o Disciplinar:
a) Carto Amarelo: -02 pontos
b) Carto Azul: -05 pontos
c) Carto Vermelho: -09 pontos
9) O tempo de dura豫o de uma partida de 40 minutos corridos, divididos em dois perodos de 20 minutos cada, ser concedido s equipes disputantes, objetivando dar instru寤es aos atletas, o direito de solicitar o pedido mximo de 2 tempos, um em cada perodo da partida, sendo de 1 minuto a dura豫o de cada tempo solicitado, com o cronmetro;
10) A dura豫o de qualquer dos tempos dever ser prorrogada para permitir a execu豫o de umapenalidade mxima, uma vez esgotado o tempo regulamentar.
11) para efeito de classifica豫o, aplicar-se- o seguinte:
a) 03 (trs) pontos por vitria;
b) 01 (um) ponto por empate.
A플O DO GOLEIRO (TIRO LIVRE INDIRETO)
1) aps a cobrana de um tiro de meta executado pelo goleiro exclusivamente com o uso das mos ou por um jogador com o uso dos ps, o goleiro s poder receber a bola em devolu豫o, com as mos desde que no sejam devolvidos com os ps.
2) O goleiro no deve utilizar artifcios que visivelmente retardem o andamento normal da partida.
3) para repor a bola em jogo, tanto no tiro de meta como no recuo o goleiro ou atleta ter nomximo 06 (seis) segundos.
MEDIDAS PUNITIVAS
A partir da quinta falta cometida pela mesma equipe a ocorrncia de todas as faltas posteriores (num mesmo tempo da partida) determinaro uma cobrana de um tiro livre direto sem barreiras a ser cobrado pela equipe adversria a 15 (quinze) metros da meta adversria. O nmero de faltas acumulativas volta a zero por ocasio do intervalo da partida. Caber ao representante informar ao rbitro e atletas atravs da exibi豫o de placa n5 a quinta falta de cada tempo cometido pelas equipes. Quando da execu豫o da cobrana do tiro sem barreira todos os atletas, exceto o goleiro, devem posicionar-se atrs da linha de meio de campo.
TIRO LIVRE INDIRETO E DIRETO
O tiro indireto aquele que para resultar em gol precisa necessariamente a bola ser tocada antes de entrar na meta por qualquer outro jogador que no aquele que executou o chute. Para execu豫o de um tiro livre direto, com forma豫o de barreira os jogadores da equipe adversria devem manter uma distncia mnima de 5m (cinco metros) da bola. Qualquer atleta em campo poder desferir os tiros livres, inclusive o goleiro. Para cobrana do tiro livre indireto no necessria a autoriza豫o do rbitro. Para a cobrana do tiro livre direto sem barreira necessria a autoriza豫o do rbitro. Quando da cobrana desta falta os outros jogadores devero estar posicionados atrs da linha de meio de campo no campo de defesa da equipe executante da cobrana. Nas cobranas de lateral s ser vlido o tempo se a bola bater em qualquer atleta no campo exceto o goleiro.
FORMA DE DISPUTA
A forma de disputa ser a de chaves na primeira fase, nas outras fases ser atravs de Cruzamento Olmpico.

MODALIDADE FUTSAL FORA LIVRE

O Torneio de Futsal poder ser inscritos at 12 atletas sendo 5 titulares e 7 reservas e ser regido pelas regras da CBFS, EXCETO O ESPECIFICADO NESTE REGULAMENTO.
1) O tempo de dura豫o de uma partida de 30 minutos, corridos, divididos em dois perodos de 15 minutos cada, sem intervalo para descanso. Sendo que o ltimo minuto de cada tempo sercronometrado.
2) ser concedido s equipes disputantes, objetivando dar instru寤es aos atletas, o direito de solicitar o pedido mximo de 2 tempos, um em cada perodo da partida, sendo de 1 minuto a dura豫o de cada tempo solicitado, com o cronmetro tambm parado.
3) A forma de disputa ser a de chaves para a primeira fase, sendo que aps esta fase, todas as subseqentes, sero em sistema de play-offs(mata-mata) at que se conhea o campeo.
4) Caso ocorra empate no tempo regulamentar na partida final ou no cruzamento olmpico, aplicar-se- o seguinte:
a) Cobrana de 03 (trs) tiros livres diretos da marca do pnalti, de forma alternada, por atletas distintos e que tenham terminado a partida.
b) persistindo o empate, a deciso ser efetuada pela cobrana de 01 (um) tiro livre direto da marca do pnalti, alternadamente, por atletas diferentes, que tenham terminado a partida, at que haja um vencedor.
5) para efeito de classifica豫o no grupo, sero contados os nmeros de pontos conforme segue:
a) 03 (trs) pontos por vitria;
b) 01 (um) ponto por empate.
6) O atleta que for punido:
a) com 03 (trs) cartes amarelos, aps o terceiro carto, no poder jogar a partida subsequente.
b) com 01 (um) azul e 01 (um) amarelo, no poder jogar a partida subsequente.
c) com 01 (um) carto vermelho, no poder jogar a partida subsequente.
d) O atleta eliminado, no poder jogar mais naquela modalidade, at o final do JOCOBRAS;

MODALIDADE VOLEIBOL FEMININO DE QUADRA

1) somente participaro dos jogos atletas do sexo feminino, contabilistas e dependentes, a equipe poder inscrever at 12 atletas, sendo 6 (seis) titulares e 6 (seis) suplentes. As atletas contabilistas devero, em suas camisas, no brao direito, ter identifica豫o contendo nome e registro do CRC para controle da arbitragem.
2) O Torneio de Voleibol ser disputado por duas equipes por Federa豫o.
3) as equipes sero compostas por 6 atletas, podendo ter at 2 (duas) atletas dependentes (Esposa ou Filha com idade mnima de 16 anos ou venha a completar no ano dos jogos) em quadra mediante comprova豫o e o profissional devidamente registrado no CRC e no GRCS quitado.
4) sero jogados 2 (dois) setes e 1 (um) tiebreak, no caso de empate.
5) ser premiada com trofu a melhor colocada e medalhas aos atletas.
6) CRITRIO DE DESEMPATE:
I) Entre 2 (duas) equipes:
a) Confronto direto;
b) Sets 밶verage;
c) Pontos 밶verage;
d) Sorteio.
II) Entre 3 (trs) ou mais equipes:
a) Sets 밶verage;
b) Pontos 밶verage;
c) Sorteio.

MODALIDADE VOLEIBOL DE AREIA DUPLA MASCULINA

O campeonato de Voleibol de Areia ser regido pelas Regras da C.B.V (Confedera豫o Brasileira de Voleibol), obedecendo as normas contidas nesse regulamento.
1) cada equipe participara 2 (dois) atletas do sexo masculino podendo ser substitudo pelo mesmo sexo.
2) Numero de set e pontos: Desde a classifica豫o at a final, os jogos sero realizados em melhor de dois sets vencedores de 18 (dezoito) pontos, sendo que para vencer dever ter 2 (dois) pontos de diferena. Em caso de 3 set esse ser disputado em sistema de 밫IE BREAK at quinze pontos. Se as equipes chegarem empatas em 14x14, o set se estender-se- sem limites de pontos, at que uma das equipes abra uma diferena de dois pontos sobre a outra.
3) somente ser permitida a substitui豫o do atleta no intervalo de um set para o outro, desde que o atleta esteja devidamente inscrito.
4) CRITRIO DE DESEMPATE:
I) Entre 2 (duas) equipes:
a) Confronto direto;
b) Sets 밶verage;
c) Pontos average;
d) Sorteio.
II) Entre 3 (trs) ou mais equipes:
a) Sets 밶verage;
b) Pontos 밶verage;
c) Sorteio.
5)para efeito de classifica豫o cada equipe marcar:
5.1) 2 (dois) pontos por vitria e
5.2) 1 (um) ponto por derrota

MODALIDADE VOLEIBOL DE AREIA DUPLA FEMININA

O campeonato de Voleibol de Areia ser regido pelas Regras da C.B.V (Confedera豫o Brasileirade Voleibol), obedecendo as normas contidas nesse regulamento.
1) cada equipe participara 2 (duas) atletas do sexo feminino podendo ser substitudo pelo mesmo sexo.
2) Numero de set e pontos: Desde a classifica豫o at a final, os jogos sero realizados em melhor de dois sets vencedores de 18 (dezoito) pontos, sendo que para vencer dever ter 2 (dois) pontos de diferena. Em caso de 3 set esse ser disputado em sistema de 밫IE BREAK at quinze pontos. Se as equipes chegarem empatas em 14x14, o set se estender-se- sem limites de pontos, at que uma das equipes abra uma diferena de dois pontos sobre a outra.
3) somente ser permitida a substitui豫o do atleta no intervalo de um set para o outro, desde que o atleta esteja devidamente inscrito.
4) CRITRIO DE DESEMPATE:
I) Entre 2 (duas) equipes:
a) Confronto direto;
b) Sets 밶verage;
c) Pontos 밶verage;
d) Sorteio.
II) Entre 3 (trs) ou mais equipes:
a) Sets 밶verage;
b) Pontos 밶verage;
c) Sorteio.
5) para efeito de classifica豫o cada equipe marcar:
5.1) 2 (dois) pontos por vitria e
5.2) 1 (um) ponto por derrota
6) ser premiada com trofus e medalhas as atletas, conforme Artigo 21 do Capitulo IX, no havendo contagem de pontos para a classifica豫o geral.

MODALIDADE TENIS DE CAMPO

1) O campeonato de tnis ser regido pelas regras oficiais da Federa豫o Internacional de Tnis, obedecendo as normas desse regulamento.
2) O campeonato de Tnis ser disputado em competi寤es nos naipes masculino, onde poderparticipar um atleta na modalidade simples e dois atletas na dupla. A substitui豫o s poder ser feita depois de uma partida nunca durante a mesma.
3) no ser permitida a substitui豫o aps o incio de cada encontro.
4) todas as partidas sero disputadas na melhor de dois sets vencedores, sendo utilizado o sistema 밫ie Break em qualquer dos sets para a quebra de empate.
4.1) por motivo de fora maior, o arbitro poder que as partidas sejam disputadas em set profissional (9 games -8x8-ti break).
5) O aquecimento no dever passar de 5 minutos de cada partida.
6) Intervalo para descanso entre as partidas.
6.1) quando o jogo anterior demorar menos de 60 minutos -descanso de 30 min.
6.2) quando o jogo anterior demorar entre 60 e 90 minutos -descanso de 60 min.
6.3) quando o jogo anterior demorar mais de 90 minutos -descanso de 90 min.
OBS: O critrio do arbitro geral e em comum acordo entre os atletas podero ser alterados os tempos para intervalos entre os jogos. 7) as puni寤es seguiro as seguintes ordens:
7.1) Advertncia
7.2) Ponto (perda)
7.3) Desclassifica豫o
OBS: O atleta poder ser desclassificado, sem obrigatoriedade antes de ter sido advertido.
8) Das formas de disputa:
8.1) 5 a 8 equipes
8.1.1) Fase classificatria
8.1.1.1) 2 (dois) grupos (A e B) disputam pelo sistema 밨ound Robin. Classifica o primeiro e o segundo colocado de cada grupo da fase final.
8.1.2) Fase final
8.1.2.1) 1 Grupo A x 1 Grupo B (Deciso de 1 e 2 lugares)
8.1.2.2) 2 Grupo A x 2 Grupo B (Deciso de 3 e 4 lugares)
8.2) 9 ou mais equipes
8.2.1) ser disputado no sistema de duplas eliminatria.
9) Critrio de desempates
9.1) Entre duas equipes.
9.1.1) Confronto direto.
9.2) Entre 3 ou mais equipes
9.2.1) Maior nmero de sets nos jogos realizados entre si
9.2.2) Maior nmero de games nos jogos realizados entre si
9.2.3) Saldo de games nos jogos realizados entre si.
9.2.4) Sorteio
OBS: Quando o empate entre 3 (trs) equipes, restarem 2 (duas) equipes ainda empatadas ehavendo a necessidade mais de uma equipe prevalecer o critrio de desempata entre duasequipes.

Realiza豫o do V JOCOBRAS Patrocinadores


Apoiadores